Buscar
  • Center Cardio Clínicas

Tireoide merece atenção na gravidez


Dr. Luís Antônio Lima – Endocrinologista da Center Cardio


É comum na gestação que mulheres que nunca tiveram qualquer problema apresentarem alterações nos hormônios da tireoide, os quais são fundamentais para o crescimento e desenvolvimento do feto, bem como para o equilíbrio do funcionamento do corpo da futura mamãe.Estudos apontam que pequenas oscilações dessa glândula podem levar ao aborto e ao parto prematuro. Isso porque durante a gravidez a imunidade da mulher fica alterada pela presença do bebê, que é considerado um corpo estranho. 


Desta forma, toda grávida tem a tireoide afetada, mas, na maioria das vezes, essa alteração fica dentro da normalidade. Quando o funcionamento da tireoide fica mais lento, ocorre o hipotireoidismo, que atinge cerca de 5% das gestantes. Quando o metabolismo fica mais rápido, ocorre o hipertireoidismo, que acelera os batimentos cardíacos da mãe e do feto. Em geral esta condição afeta mais ou menos 2% das grávidas. 


O tratamento dessas oscilações hormonais é muito importante pois 80% dos casos de hipertireoidismo não tratado levam ao parto prematuro ou aborto. Ao longo da gestação é recomendado que o médico solicite exame de sangue que meça os níveis de hormônios, uma medida fácil que pode evitar problemas graves. É fundamental que o hipertireoidismo seja detectado ainda no primeiro trimestre para que não ocorra danos no desenvolvimento cerebral do feto. 


Uma vez detectado o desequilíbrio, no caso do hipotireoidismo, deve ser feita a reposição do hormônio que o organismo deixa de produzir, sem riscos para o bebê.No caso do hipertireoidismo, o obstetra deve avaliar o risco-benefício do remédio. No entanto, o maior risco é não tratar o problema.


Todas mulher deve fazer o controle da tireoide após a gravidez, tanto as que já sofrem do problema quanto as que apenas desenvolveram na gestação, e até quem não teve nenhuma alteração deve acompanhar a tireoide pois é um período em que podem surgir problemas na glândula que podem demandar alguma intervenção. Manter em dia a visita ao endócrino é a melhor forma de evitar problemas mais graves da tireoide.  

2 visualizações

 Center Cardio Clínicas -  Unidade Garibaldi            Unidade Paralela 

Setor de Marcação
- Telefones: (71) 3041-3888 / (71) 3261-2911